AeC

Relacionamento com Responsabildade

Notícias

Esportes

Ajustando os relógios

Como o horário de verão afeta seu desempenho no treino

Imagem: Pixabay

Com a mudança de horário nesta época do ano, algumas coisas se alteram em nossa rotina: o sono pode ficar desregulado e o apetite, também. Ainda tem mais: para muita gente, o desempenho nas atividades físicas também sofre com a mudança no relógio. A explicação está, principalmente, na alteração do cortisol, hormônio ligado ao stress.

Entenda essa alteração

Quando uma pessoa dorme o suficiente e tem horários de sono constantes, os níveis de cortisol do corpo se mantém regulados, o que ajuda na liberação de outros hormônios que ajudam a melhorar o desempenho durante atividades físicas. Com as alterações causadas pelo horário de verão, isso pode ser afetado, resultando em uma capacidade de explosão muscular, aumento no risco de lesões, menos força e menos disposição.  

É preciso ter calma

Esses efeitos são sentidos principalmente pela manhã. Então, se você faz parte da turma que vai à academia na primeira hora do dia, é provável que tenha sentido mais essas interferências. Mas calma: tudo vai passar! Isso porque  após um período de 15 a 30 dias o organismo irá se acostumar à nova rotina.