AeC

Relacionamento com Responsabildade

Notícias

Esportes

Crossfit: para que e para quem?

Entenda esse popular e intenso treinamento; e veja se é para você

 
 
Foto: Divulgação

 
 
 
Ultimamente, a grande novidade do mundo fitness é o crossfit. Você já deve saber o que é a esta altura. Se não, vamos, lhe explicamos. Crossfit é um método de treinamento funcional que une força e condicionamento físico. Para se ter uma ideia, a atividade é baseada no treinamento dos fuzileiros navais americanos e da SWAT. E ganha cada vez mais adeptos no Brasil.
 
No entanto, na mesma medida que a prática pra lá de intensa ganha popularidade é bombardeada de críticas. O crossfit tem benefícios? Tem riscos? É indicado para quem? Aqui vamos nós entender os princípios do crossfit.
 
Os treinos de crossfit não tem sempre a mesma sequência, como normalmente acontece em programas de musculação. Os exercícios buscam sempre trabalhar grandes grupos musculares e em diversos casos tem mais de uma qualidade física envolvida.
Toda aula de crossfit busca:
 
Alta intensidade
A aula pode ser muito exaustiva, contando com diversas sequências de saltos, flexões de braço e outros movimentos que são realizados de forma explosiva.
 
Intervalos curtos
Como o objetivo é manter a intensidade elevada, as pausas entre os exercícios são mais curtas, para que se mantenha o exercício em altos índices de solicitação energética e muscular.
 
Curta duração
Isso se baseia em diversos estudos que defendem que as sessões curtas de exercício aumentam a liberação pelo corpo do GH e da testosterona (hormônios que estimulam a aumento de massa muscular) e minimizam a produção de cortisol, o hormônio do stress.
 
Quem deve praticar crossfit?
Pessoas que queiram melhorar seu condicionamento físico, emagrecer, aumentar a massa magra, tem excelentes benefícios com o treinamento do crossfit. É ideal para quem não busca apenas um objetivo específico, mas uma atividade física que beneficie o corpo de modo geral. Se o seu caso é ganhar muita massa muscular (hipertrofia), talvez o crossfit não seja o indicado para você.
 
A atividade, se bem orientada, pode ser feita por praticamente todas as pessoas, observando a capacidade e a intensidade adequada para cada um. Pessoas com problemas articulares ou musculares precisam ficar atentas a adaptações, para evitar lesões. Para pessoas que estão sedentárias, é recomendado um tempo maior de adaptação para suportar toda a intensidade do crossfit.