AeC

Relacionamento com Responsabildade

Notícias

Negócios

Da falência ao sucesso

Empresas que sacudiram a poeira e deram volta por cima

Foto: Divulgação


Falência. Palavrinha pesada essa, não é verdade? No mundo corporativo, se dita, causa até arrepio – e insônia. Mas a verdade é que, por mais assombrosa que possa ser, a falência nem sempre é o fim da linha para uma empresa. Há casos de organizações que se enroscaram com prejuízos e problemas, faliram, conseguiram reverter o quadro e ainda foram capazes de alcançar sucesso e longevidade.
Quer alguns exemplos? Aqui estão alguns muito bons:
 
Apple
Difícil acreditar, mas uma das empresas mais valiosas do mundo já esteve muito mal das pernas. Em 1997, a coisa estava tão ruim para a empresa da maçã que ela pensou em fechar as portas. Antes do último suspiro, a concorrente Microsoft investiu 150 milhões de dólares na empresa e tirou a Apple do sufoco. Especula-se até hoje que, com a ameaça da Apple deixar o mercado, a Microsoft fez isso para evitar acusações de monopólio.
 
General Motors
Assim como fez na Grande Recessão, em 1929, a maior fabricante automotiva do mundo entrou com pedido de falência durante a crise financeira de 2008. Acabou sendo socorrida pelo governo federal americano. Hoje, sem dívidas, a GM passa por uma das suas melhores fases.
 
Chrysler
A General Motors não foi o único fabricante de automóveis que faliu em 2008. A Chrysler foi a primeira americana a cair. Quem a tirou do fundo do poço foi a italiana FIAT, que comprou a montadora, e desde então a Chrysler tem mostrado números bem acima da média.
 
Marvel Entertainment
Quem vê hoje o sucesso estrondoso das franquias cinematográficas da Marvel  - como o atual Vingadores: A Era de Ultron – pode se surpreender ao saber que, em 1996, a empresa pediu concordata. Isso foi antes da empresa empreender esforços na produção cinematográfica – nessa época a Marvel se dedicava quase que exclusivamente aos quadrinhos. Hoje, as propriedades autorais da empresa valem bilhões de dólares e têm milhões de fãs ao redor do mundo.